Não Culpe o Capitalismo



Pessoal, eu,

Anselmo Heidrich, o Fernando Raphael Ferro de Lima e o Luis Lopes Diniz Filho,

administradores dos blogs


respectivamente, acabamos de lançar um libelo da GEOGRAFIA ANTI-MARXISTA, o 1º do país!

Prestigiem...

Compre o livro NÃO CULPE O CAPITALISMO nos links abaixo:




quinta-feira, setembro 23, 2004

Preocupação ambiental dá dinheiro



Tratamento dos efluentes líquidos na Eliane: desenvolvimento sustentável

Foto: Divulgação
Estar em dia com as mais rígidas normas da responsabilidade ambiental não é apenas uma obrigação. É também uma boa receita para cortar custos. Um grupo de 26 empresas catarinenses investiu R$ 2,2 milhões em ferramentas de Produção Mais Limpa (PML) e conseguiu obter um retorno cinco vezes maior. Com a ajuda do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) da Fiesc, as companhias identificaram 225 pontos que poderiam ser melhorados nos seus processos industriais. O investimento retornou rapidamente, com a redução dos resíduos sólidos, do consumo de água e de energia elétrica. "Os benefícios ambientais e econômicos alcançados pela implantação da PML superaram nossas expectativas", comemora Leandro Medeiros, diretor industrial da Eliane, uma das companhias que participa do projeto. Segundo João Stramosk, presidente da Metalúrgica Riosulense, de Rio do Sul (SC), a identificação precisa dos resíduos gerados na produção resultou em um retorno de cerca de R$ 1,5 milhão por ano. A metodologia do PML, seus resultados e o potencial para identificar inovação nas empresas serão apresentados no seminário "Caminhos para Inovação Tecnológica e Sustentabilidade", que acontece dias 22 e 23 de setembro em Joinville (SC). (Sílvia Lisboa)

Link relacionado:
http://amanha.terra.com.br/ Newsletter diária - 20/09/2004



Nenhum comentário:

Postar um comentário