Não Culpe o Capitalismo



Pessoal, eu,

Anselmo Heidrich, o Fernando Raphael Ferro de Lima e o Luis Lopes Diniz Filho,

administradores dos blogs


respectivamente, acabamos de lançar um libelo da GEOGRAFIA ANTI-MARXISTA, o 1º do país!

Prestigiem...

Compre o livro NÃO CULPE O CAPITALISMO nos links abaixo:




quarta-feira, maio 15, 2013

Venda de crianças VS. Planejamento familiar



A argumentação do Fraga apresenta lógica e é consistente, mas só até o ponto em que ele descarta a crítica utilitarista ("um monte de gente fará bebês para ganhar dinheiro"), como "simplista". Ora, toda visão dele, de que é melhor vender os bebês do que abandoná-los (no que eu concordo) é calcada na utilidade deste bebê para quem o quer, mas não aceita a ideia de quem quer descartá-lo TAMBÉM procurará maximizar a utilidade de seu ato. Então, caro Fraga, ou teu argumento utilitarista vale para um lado, mas não para o outro? Se estiver lendo isto atente para o fato de que EU não considero tua proposta infundada não Sr., mas o que tem que ser considerado é que externalidades significativas surgirão desta equação simplista (daí sim) que usaste como solução, à guisa de solução, melhor dizendo. Eu não tenho ideia de como seria uma melhor solução, mas criar um mercado para transacionar bebês não deve ser a solução ideal. Bem... O que seria o ideal? Boa pergunta. Talvez, melhor de tudo, a esterilização, não compulsória é evidente.

Nenhum comentário:

Postar um comentário