Não Culpe o Capitalismo



Pessoal, eu,

Anselmo Heidrich, o Fernando Raphael Ferro de Lima e o Luis Lopes Diniz Filho,

administradores dos blogs


respectivamente, acabamos de lançar um libelo da GEOGRAFIA ANTI-MARXISTA, o 1º do país!

Prestigiem...

Compre o livro NÃO CULPE O CAPITALISMO nos links abaixo:




sábado, maio 30, 2015

Uma defesa de Jair Messias Bolsonaro


Sobre o Deputado Jair M. Bolsonaro...

Das críticas comuns a ele, que ele defende a ditadura: sinceramente, não sei disto, mas sei que ele se opõe à vitimização que as esquerdas (reprimidas no período da ditadura) fazem. Sou contrário à tortura, mas não à punição dura com prisão perpétua se tivéssemos tal possibilidade. Muitas das vítimas eram terroristas que assaltavam bancos, faziam reféns e matavam agentes policiais e militares para fazer a sua revolução.


Frases horríveis foram proferidas por ele... Que seriam aproximadamente assim:


- "quem gosta de ossada é cachorro" referindo-se à busca de restos mortais das vítimas da repressão;


- "FHC tinha que ter sido fuzilado" referindo às privatizações;


- "Você não merece ser estuprada" referindo-se à Maria do Rosário.


Em primeiro lugar tem que se respeitar aqueles que prezam a memória de seus parentes e amigos mortos, gostemos ou não deles; no segundo caso, não desejo o fuzilamento para líderes políticos dos quais eu discordo (mesmo o Lula) e também porque sou muito favorável às privatizações (o próprio Bolsonaro já reviu esta opinião tosca e agora posa como liberal, i.e., privatista); e no terceiro caso, embora a frase seja infeliz, porque ele tem pavio curto ocorreu após nítida provocação da ex-Secretária de Direitos Humanos do PT, Maria do Rosário. Ela o ameaçou de lhe dar um tapa na cara (isto se encontra para ver fartamente no youtube).


Apesar disto, tudo defendo ele por ser um dos poucos que tem coragem de se opor a toda esta máfia institucionalizada e a tendência de fazer com que minorias (gays) terem privilégios, assim como menores infratores. Aliás, é dele a proposta original de rebaixar a maioridade penal, da qual eu sou totalmente a favor.


Uma observação, nada tenho contra gays. A homossexualidade é absolutamente natural, mas a heterossexualidade também o é. Então, ao invés de políticas públicas específicas para diferentes sexualidades e até privilégios para algumas, o caminho mais simples é que deveria ser seguido, a de leis simples e comuns a todos. E nada mais.

Um comentário:

  1. A questão da maioridade penal é a seguinte: eu sou contra idade mínima para que uma pessoa seja considerada capaz de responder por seus crimes, seja 18 ou 16 ou 14 anos. Isso varia de acordo com a pessoa, e deve ser analisado no próprio julgamento e na determinação da pena. Segundo ponto, os argumentos utilizados em favor da redução da maioridade penal no Brasil foram ridículos: utilizaram citações bíblicas e suas personagens como exemplos para ilustrar a capacidades de menores tomar decisões, o que achei absurdo. Assim, o problema desta turma, é que eles estão adotando um discurso "conservador-liberal", nesta sequencia, de forma absolutamente oportunista, sem qualquer análise prévia. Eu tenho uma desconfiança enorme desta turma. Pra mim, Bolsonaro só difere do Pastor Everaldo pela retórica mais ferina, mas em conteúdo são iguais. Pode ser uma impressão errada, mas nunca vi nada que justificasse o contrário.

    ResponderExcluir